Imagem 1

Lula conversa com Putin e defende presença da Rússia em negociação com Ucrânia

Lula conversa com Putin e defende presença da Rússia em negociação com Ucrânia

O presidente Lula recebeu na manhã desta segunda-feira ligação do presidente russo, Vladimir Putin. Lula defendeu sua proposta de negociações de paz envolvendo a Rússia e a Ucrânia, de acordo com uma nota Planalto divulgada em seguida. O assessor especial de Lula, Celso Amorim, já assinou, junto com o ministro das Relações Exteriores da China, Wang Yi, uma declaração pedindo negociações “reconhecidas tanto pela Rússia quanto pela Ucrânia”. Os presidentes conversaram sobre cooperação econômica bilateral e sobre governança multilateral. O presidente Lula reforçou a necessidade de uma ampla reforma do sistema de governança global, a ser debatida no âmbito do G20, que reflita os novos arranjos geopolíticos mundiais e reforcem o papel das Nações Unidas como espaço de concertação para a prevenção de conflitos. Os presidentes também discutiram a recém-concluída viagem do vice-presidente Geraldo Alckmin à China para participar da Comissão Sino-Brasileira de Alto Nível de Concertação e Cooperação. Putin recordou a visita recente da presidenta do Banco do BRICS, Dilma Rousseff, ao Fórum Econômico Internacional de São Petersburgo. Putin também expressou sua solidariedade com as vítimas das enchentes no Rio Grande do Sul. (Reuters + nota do Planalto)

O site Sputnik, que publica em português, traz nota do Kremlin que diz que “o presidente russo, Vladimir Putin, conversou por telefone com o presidente brasileiro, Luiz Inácio Lula da Silva. O presidente brasileiro manifestou seu desejo de contribuir na busca de opções para uma resolução pacífica do conflito na Ucrânia, o que se reflete na […] conhecida iniciativa conjunta do Brasil e da China nesse sentido”.

FUGITIVOS NA ARGENTINA

A Polícia Federal (PF) do Brasil começa a fechar o cerco aos fugitivos do assalto aos três poderes em Brasília, em 8 de janeiro de 2023, que estão na Argentina. A PF incluirá os nomes dos quase 60 fugitivos já identificados em solo argentino na lista de procurados da Ameripol, a comunidade policial da América, conforme confirmado ao La Nación por fontes da força. O escritório da PF em Buenos Aires está trabalhando para incluir os nomes na rede Anfast, que se encarrega da busca ativa de fugitivos na região, explicou a corporação. A Anfast permite que as equipes de busca dos países membros da Ameripol entrem em contato entre si para executar mandados de prisão contra criminosos que fogem de seus países.  Na última quinta-feira, a polícia brasileira tentou em 18 estados e no Distrito Federal capturar mais de 200 fugitivos da operação “Lesa Pátria”, que investiga os ataques de 8 de janeiro de 2023, quando as sedes dos três poderes foram vandalizadas por milhares de apoiadores do ex-presidente Jair Bolsonaro. Mais de 100 pessoas não puderam ser localizadas, e algumas delas estão na Argentina.

PANTANAL EM CHAMAS

Bombeiros estão combatendo incêndios florestais no Pantanal brasileiro, a maior área úmida tropical do mundo, lar de onças-pintadas, tamanduás-bandeira e ariranhas. Cerca de 32.000 hectares já foram destruídos pelos incêndios no estado do Mato Grosso do Sul, segundo a mídia local. Especialistas em clima dizem que a temporada de incêndios florestais deste ano começou mais cedo e é mais intensa do que nos anos anteriores. Os bombeiros disseram que seus esforços para extinguir as chamas estavam sendo prejudicados pelos ventos fortes do fim de semana. (BBC)

Veja Também:  Lula irriga nordeste com investimentos em giro pelo Maranhão, Piauí e Ceará

INFLAÇÃO EM ALTA

Os dados de preços ao consumidor do Brasil para maio devem mostrar uma aceleração na inflação, refletindo os danos causados pelas recentes enchentes desastrosas no sul, de acordo com uma pesquisa da Reuters publicada na segunda-feira. A inflação anual, com previsão de 3,89%, também teria se desviado ainda mais do centro da meta oficial de 3% +/- 1,5 ponto percentual, mas isso seria atribuível a interrupções temporárias na produção e na logística causadas pelas chuvas excessivas no estado do Rio Grande do Sul. Os dados de preços a serem publicados na terça-feira deverão mostrar um aumento mensal de 0,42% em maio, contra 0,38% em abril, e de 3,89% no ano, contra 3,69%, de acordo com a mediana das estimativas de 23 economistas consultados entre 5 e 10 de junho. (Reuters)

COMBUSTÍVEIS

Novas regras de crédito tributário reveladas pelo governo brasileiro devem levar a um aumento nos preços da gasolina e do diesel no país, disse um lobby de energia na segunda-feira, estimando que seu impacto sobre os distribuidores de combustível chegue a 10 bilhões de reais (US$ 1,86 bilhão). O presidente Lula publicou, na semana passada, uma medida provisória que prevê o uso de créditos por parte das empresas em relação aos impostos federais PIS-Cofins, o que provocou a reação dos setores mais afetados. (Reuters)

NEGÓCIOS

A Eletrobras do Brasil, maior empresa de serviços públicos da América Latina, assinou um acordo para vender seu portfólio de usinas termelétricas para a Ambar Energia por um total de 4,7 bilhões de reais (878,01 milhões de dólares), de acordo com um documento de registro de títulos divulgado nesta segunda-feira. Pelo acordo, a Ambar assume o risco de crédito dos contratos de energia a que as usinas estão sujeitas. A transação resultou de um processo competitivo lançado em julho de 2023 pela Eletrobras. (Reuters)

Na imagem, montagem de fotos de Lula e Putin / Reprodução

Tagged: , , , ,