Imagem 1

Lula não irá à posse de Javier Milei na Argentina

Lula não irá à posse de Javier Milei na Argentina

Lula optou por recusar o convite para a posse de Javier Milei na Argentina, e designará o ministro das Relações Exteriores Mauro Vieira para o evento. A resposta acontece dias após a visita surpresa a Brasília da indicada pelo presidente eleito para assumir o Ministério das Relações Exteriores argentino, Diana Mondino, que entregou pessoalmente a Vieira o convite para Lula.

Entre os líderes regionais que viajarão para a posse de Milei – que acontecerá no próximo domingo (10) – estão os alinhados com a direita: Luis Lacalle Pou, do Uruguai, Santiago Peña, do Paraguai e Daniel Noboa, do Equador. Dos presidentes latino-americanos de esquerda, apenas o chileno Gabriel Boric confirmou presença.

O presidente brasileiro optou por suspender relações mais amplas com o novo governo até obter mais clareza sobre a abordagem planejada por Milei em relação ao maior parceiro comercial da Argentina na América Latina. Desde então, Milei tem moderado sua retórica em relação ao Brasil e a outros países que criticou durante sua campanha, enquanto Mondino disse em entrevista à TV em novembro que “não haverá ruptura, mudança ou congelamento” das relações entre as nações vizinhas. Via El Diario, Bloomberg e La Nación.

***

A Argentina enfrenta uma queda nas exportações para o Brasil devido à seca. Só em novembro, as importações do Brasil diminuíram 18,3%, e as exportações argentinas caíram 23,2%. O déficit comercial acumulado em 2023 é de 4,84 milhões de dólares, 144,8% a mais do que em 2022, marcando 2023 como o pior ano para as exportações argentinas para o Brasil desde 2020.

No entanto, de acordo com economistas, as previsões para 2024 são mais otimistas, com expectativas de recuperação nas exportações, em especial no setor agrícola. No Ámbito.

***

A economia brasileira apresentou um crescimento de 0,1% no terceiro trimestre, em relação ao segundo semestre, marcando a menor taxa registrada até agora em 2023, segundo dados divulgados pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatísticas (IBGE). O produto Interno Bruto (PIB) registrado no período foi 2% maior do que o mesmo trimestre do ano anterior. De janeiro a setembro de 2023, a economia brasileira acumula um aumento de 3,2% comparado ao mesmo intervalo do ano passado. Via agência EFE.

***

Em uma visita diplomática à Alemanha nesta terça-feira (5), o presidente Lula disse que convidará Vladimir Putin para a cúpula do G20, que acontecerá em novembro de 2024, no Rio de Janeiro, independente da decisão do líder russo de participar ou não do evento, e que cabe a ele “avaliar as consequências” desse convite.

O Brasil é membro do Tribunal Penal Internacional (TPI), que em março deste ano emitiu um mandado de prisão contra Putin, acusando-o de cometer “crime de guerra” relacionado à “deportação ilegal” de crianças ucranianas para a Rússia.

Veja Também:  Milei comemora sucesso econômico enquanto os argentinos ficam mais pobres

Lula enfatizou que o cumprimento do mandado de previsão é uma decisão judicial e que ele, como presidente, não julga tais decisões. O presidente também expressou sua esperança de que até a cúpula do G20 o conflito entre Ucrânia e Rússia já esteja encerrado, e que as relações internacionais tenham voltado a “tempos normais”. Via RT News.

***

Em parceria com forças de segurança do Paraguai e dos Estados Unidos, a Polícia Federal Brasileira (PF) deu início nesta terça-feira (5) à Operação Dakovo, que investiga uma quadrilha suspeita de vender armas aos principais grupos do narcotráfico brasileiro. Cinco suspeitos foram presos no Brasil e 11 no Paraguai – entre eles, um general que até há pouco tempo ocupava um alto cargo na força aérea paraguaia.

Segundo a PF, uma empresa situada na capital do Paraguai, Assunção, importou milhares de pistolas, rifles e munições de fabricantes europeus sediados na Croácia, República Tcheca, Eslovênia e Turquia. Depois de recebidas, as armas tiveram seus números de série raspados e foram vendidas a grupos intermediários que atuavam na fronteira entre o Brasil e o Paraguai.

Estima-se que foram importadas 43 mil armas para o Paraguai em três anos, com um total de 1,2 bilhão de reais em transações financeiras.

O ministro da Justiça Flávio Dino disse em entrevista coletiva que o número de armas entregues ao Brasil ainda está sob investigação, e que o caminho logístico pelo qual elas foram entregues ao Primeiro Comando da Capital (PCC) e ao Comando Vermelho (CV) foi fechado. Via Brazilian Report e Correio da Manhã.

***

A PF está investigando a participação de um famoso cantor brasileiro por suspeita de participação em um esquema de mineração ilegal em terras indígenas dos Yanomami. Cerca de 250 milhões de reais teriam sidos movimentados em transações com cassiterita, mineral utilizado na produção de tintas, plásticos e fungicidas.

Conforme a PF, um empresário reconhecido no cenário musical e associado ao cantor também estaria envolvido no núcleo financeiro das atividades ilícitas, e foi detido pela polícia nesta segunda-feira (4), quando foi deflagrada a operação, chamada de “Disco de Ouro”. O cantor foi levado para a delegacia e foi liberado após prestar depoimento. Ele teria recebido pelo menos um milhão de reais de uma empresa mineradora investigada. No Prensa Latina.

*Imagem em destaque: Pograma Conversa com o Presidente, em Berlim, Alemanha. (Canal Gov)

Tagged: , , , , , , , ,

Leave comment